Arquivos da categoria: Empreendedorismo

Quer Escrever Melhor? Descubra Como Agora Mesmo!

A escrita tem um magnífico poder sobre a mente humana. A sua capacidade transformadora é tão grande, que ela age até mesmo na mente do próprio escritor: estimula a criatividade e organiza as ideias e fluxos de pensamentos, ajudando no processo de autoconhecimento.

É por isso que o hábito de escrever faz tão bem às pessoas! É por isso que cada vez mais pessoas estão escrevendo. E é por isso que criamos esse texto para te ajudar a escrever melhor!

Leia de tudo um pouco

O primeiro passo para escrever melhor é ler mais. E ler de tudo! Você pode fazer dois testes para identificar o tipo de texto que gosta mais e para se abrir para outros gêneros.

O primeiro é o seguinte: selecione algumas obras de diferentes gêneros como autoconhecimento, biografia e poesia, por exemplo. Leia todos! O maior número de gêneros diferentes que conseguir e tire você mesmo uma conclusão mais acertada do que gosta mais e do que gosta menos de ler.

Segundo teste: pense no livro que você teve alguma empatia, mas não foi o que mais gostou. Busque obras de outros autores nesse mesmo gênero. Talvez aquele livro específico não foi o ideal para você e, quem sabe, com um autor diferente você descubra novas obras que vão te agradar.

Crie o hábito da escrita

Escreva todos os dias sobre assuntos do seu interesse: músicas, séries, livros ou viagens, por exemplo. O importante é estar sempre escrevendo! Criar o hábito de escrever é fundamental para sua escrita ficar cada vez melhor.

Aproveite esta ferramenta gratuita e comece agora mesmo a criar esse novo hábito. Você também pode criar um blog ou um perfil nas redes sociais e compartilhar seus textos, pensamentos, considerações ou opiniões para desenvolver a sua escrita.

Outra boa forma de criar esse novo hábito é escrever para algum jornal ou revista. Além da obrigatoriedade de criar textos diários, semanais ou mensais, você manterá o equilíbrio da linguagem formal e da linguagem utilizada na internet.

Nunca fuja da dúvida

Ao se deparar com uma dúvida com o significado ou ortografia de uma palavra, por exemplo, não mude a frase! Busque um dicionário, impresso ou online, ou um site confiável e não perca a chance de aprender algo novo e acabar de vez com a dúvida, ao invés de evitá-la sempre que aparecer em seus textos.

Além disso, não esqueça de desativar o corretor automático durante a escrita! Nem sempre essa ferramenta consegue compreender o que queremos expressar em nossos textos e, ao invés de ajudar, pode gerar mais dúvidas.

Defina quem é o seu leitor

Ter sempre em mente para quem estamos escrevendo é uma estratégia essencial para conseguirmos prender a atenção dos leitores. Saber que tipo de escrita nosso público prefere também é imprescindível para torná-los leitores fiéis.

Assim, toda vez que for iniciar um texto pergunte a si mesmo: Quem vai ler esse texto? Para quem eu estou escrevendo?

Estude gramática e ortografia

Escrever não é a coisa mais difícil do mundo, mas escrever bem requer dedicação e estudo. Não tem outro jeito, para você escrever melhor do que escreve hoje, além de seguir as dicas anteriores, você vai precisar revisar a gramática e ortografia. Estude um tema por dia ou por semana e vá se aperfeiçoando.

Comece imediatamente

Não perca mais tempo! Se você quer começar a escrever ou escrever melhor, deixe de procrastinar e mãos à obra! Lembre-se: quanto mais você praticar, mais vai melhorar sua escrita.

Prontinho! Agora você já sabe como escrever melhor e já está pronto para colocar a mão na massa e levar sua escrita a um novo nível. Quer mais dicas? Na nossa página no Facebook, você encontrará bons livros para te ajudar a ser um escritor de sucesso. Curte lá!

Bloqueio Criativo: Saiba Como Combatê-lo

Você se programa, se organiza, prepara todo o material necessário, senta-se em frente ao computador e então… Dá aquele branco. Você precisa escrever, sabe sobre o que falar, porém as ideias fogem de sua mente: você está enfrentando o bloqueio criativo. O terror de todos os que trabalham com a imaginação.

É comum as pessoas enfrentarem essa barreira, que pode ocorrer por inúmeros motivos, como medo de rejeição, medo de não atingir seus objetivos, perfeccionismo, falta de foco, estresse ou até mesmo desânimo.

Essa situação pode surgir a qualquer momento. Mas o que fazer para evitá-la? Veja essas dicas e aprenda a combater esse problema de uma vez por todas.

Escreva

Pode parecer óbvio, no entanto a orientação é: escreva sem se preocupar com a perfeição. Coloque no papel tudo o que vier à sua mente — não fique parando para corrigir os erros, corrija-os depois. Deixe a escrita fluir.

Tenha o hábito de carregar um bloquinho de notas, um tablet ou smartphone consigo, assim, quando uma ideia aparecer, você sempre estará pronto a anotá-la.

Minimize as distrações

Evite tudo que possa tirar seu foco no trabalho. Feche os navegadores de internet, desconecte seu celular. Mude de ambiente se no local onde você está tiver muitas intervenções.

Descanse

Às vezes, precisamos apenas relaxar. Pode ser que seu corpo e sua mente necessitem de uma pausa, então procure repousar. Tire algumas horas de sono de qualidade, desligando-se de tudo que te deixe agitado. Pense na possibilidade de tirar umas férias — quando voltar, estará com ânimo renovado e as ideias a todo vapor.

Ouça música

Há quem prefira escrever no silêncio, todavia algumas pessoas se saem melhor quando estão ouvindo música. Estudos mostram que a música pode estimular partes do cérebro responsáveis pela emoção, motivação e excitação. Teste e veja se é o seu caso. Pode ser que isso aguce sua criatividade e quando perceber já terá escrito longos trechos.

Leia livros

Muitos escritores sentem-se mais criativos após a leitura de um livro. A leitura pode ser sua grande aliada na busca por novas ideias. Dê preferência aos livros que possam te ajudar com o assunto sobre o qual você precisa escrever.

Converse

Tenha um diálogo com alguém. Conversando com uma pessoa mais experiente, você pode ser enriquecido com novas ideias e conselhos. Caso sua conversa seja com um indivíduo que precisa de ajuda, você forçará seu cérebro a trabalhar buscando solução para o problema, e irá liberá-lo do bloqueio criativo.

Faça exercícios físicos

Atividades físicas arejam nossa cabeça, além de reduzir o estresse. Estudos revelam que uma simples caminhada é capaz de elevar a produção criatividade em até 60%. Tenha o hábito de praticar esportes, exercitar-se na academia, dançar, enfim, mexa-se! Caso a falta de ideias surja, largue tudo, vista uma roupa leve e saia para uma caminhada.

O bloqueio criativo, querendo ou não, acontece com todos, e isso é inevitável. Entretanto, praticando essas sugestões você conseguirá driblá-lo e continuará seu processo criativo.

Gostou do post? Então compartilhe em suas redes sociais e ajude seus amigos a vencerem o problema!

5 Coisas que Todo Profissional de Sucesso tem em Comum

Trabalhar fazendo o que gosta, construir uma carreira sólida e tornar-se um profissional de sucesso. Quem nunca pensou nisso na hora de definir seu projeto de vida? Embora o caminho seja longo e exija muita resiliência, o triunfo profissional é sempre uma possibilidade para todos que estão dispostos a aprender com outras pessoas e evoluir.

E sabe por quê? Porque profissionais bem sucedidos seguem um padrão de comportamento e compartilham características, posturas e práticas que os conduzem até o êxito. Muito além de mais uma promoção no emprego ou de um novo contrato para o seu negócio, essas pessoas já compreenderam que ser feliz é a chave para o sucesso na carreira e, por isso, buscam sua realização enquanto ser humano.

Se você também quer ser um profissional de sucesso, continue lendo e descubra 5 coisas que as pessoas bem sucedidas têm em comum.

Equilíbrio entre os âmbitos pessoal e profissional

Na ânsia de alcançar determinado objetivo, muitas pessoas acabam deixando a vida pessoal em segundo plano. Tal postura, porém, só atrapalha a ascensão profissional. Ter um tempo para cuidar de si e se divertir com amigos e familiares é fundamental para recarregar as energias, manter o bom humor e levar uma vida mais leve, garantindo uma performance muito melhor no trabalho.

Além disso, manter hábitos alimentares saudáveis e reservar parte do dia para a prática de exercícios físicos são duas excelentes formas de ganhar mais foco e muito mais disposição na hora de trabalhar.

Pensamento glocal

É pensar globalmente e agir localmente. O pensamento global é essencial para construir uma carreira de sucesso. Pessoas bem sucedidas são capazes de pensar sistematicamente, identificar tendências e implementar inovações em sua vida pessoal ou seu emprego. Mais do que conhecimentos dispersos, esses profissionais têm a incrível habilidade de agir exatamente onde estão e, por isso, realmente fazem a diferença.

Boas fontes de informação

Se tem uma coisa que um verdadeiro profissional de sucesso faz é estudar. Curiosos por natureza, essas pessoas mantêm o saudável hábito de questionar e pesquisar sempre. E não estamos falando apenas de informações de caráter técnico! Livros de autoconhecimento também são bem-vindos e atuam como um grande diferencial no mercado de trabalho.

Foco total no presente

Se você quer ser um profissional de sucesso, pare de procrastinar agora mesmo! Assim como os grandes vitoriosos, foque no único momento que realmente importa: o presente. Livre-se da culpa relacionada ao seu passado e pare de sofrer com a ansiedade.

Preocupar-se demasiadamente com o futuro só desperdiça o tempo que você deveria estar dedicando a um hoje muito melhor. Por isso, apenas foque em realizar o seu melhor diariamente.

Coragem para errar

Arriscar é preciso! Todos os empreendedores que realmente fizeram história se permitiram errar durante a vida profissional. Se o erro ainda assusta você, pare de encará-lo como sinônimo de fracasso. Inspire-se em histórias inspiradoras e compreenda, de uma vez por todas, que grandes legados não passavam de grandes riscos antes de se tornarem o que são.

E aí, se identificou com as características e comportamentos do profissional de sucesso? Ajude outras pessoas e compartilhe o post em suas redes sociais. Quem sabe o conteúdo não ajuda a despertar o grande empreendedor que há dentro daquele seu colega ou familiar, não é mesmo?

4 Livros Sobre Empreendedorismo e Suas Maiores Lições

Quantas vezes você já devorou um livro enorme em alguns dias? Buscou inspiração nas palavras de um autor? Ou terminou uma leitura com a sensação de que precisava de uma mudança na vida?

Além de uma fonte ilimitada de conhecimento e enriquecimento cultural, ler é uma forma de encorajar pessoas a realizarem os seus sonhos. Algo que também é a maior fonte de motivação para empreendedores que enfrentam os desafios de criar algo novo com o seu próprio talento e força de vontade.

Se você é um deles, precisa ter a leitura como aliada nessa jornada.

Confira 4 livros de empreendedorismo indispensáveis para ter sucesso na sua jornada!

1 – 23 hábitos anti-procrastinação, de S. J. Scott

Organize sua vida de forma que você não fique soterrado em papeladas e listas de afazeres. Essa é uma das principais lições de Scott para pessoas que ainda possuem projetos emperrados e sonhos de vida adiados por causa da procrastinação.

Para os empreendedores, o livro traz o real conceito de procrastinar, propõe uma mudança de mentalidade e apresenta um conjunto de estratégias realmente eficazes para que as pessoas não fiquem apenas presas a uma lista de afazeres diárias e encontrem prazer no que fazem.

2 – O empreendedor diário, de S. J. Scott e Rebecca Livermore

Assim como em 23 hábitos anti-procrastinação, S.J. Scott e Livermore apresentam nessa obra a fórmula para se tornar um empreendedor bem-sucedido. E ela está ligada a uma mudança de hábitos, muita prática e disciplina.

Com uma linguagem simples e clara, uma das maiores lições do livro é que você não precisa apenas ter uma boa ideia, investir muito dinheiro ou contar com um vasto networking para fazer o seu negócio dar certo.

O que diferencia empreendedores que dão certo dos que fracassam não são as suas limitações ou medos, e sim a rotina produtiva que eles criam e as ações diárias que realizam para alcançar os seus propósitos. Leitura indispensável para quem está começando!

3 – Grande magia: vida criativa sem medo, de Elizabeth Gilbert

“Por que as pessoas persistem em criar, mesmo sendo algo difícil, inconveniente e muitas vezes sem retorno financeiro? Persistem porque são apaixonados. Persistem porque sentem tesão por sua vocação.

Em Grande magia, Elizabeth Gilbert, mesma autora do best-seller Comer, Rezar, Amar, nos mostra como a criatividade é um fator motivacional para todas as áreas da nossa vida: seja escrever um livro, abrir o próprio negócio ou acrescentar paixão às coisas que fazemos diariamente.

O livro é uma fonte de inspiração para empreendedores que precisam inovar nos seus projetos, trazendo a experiência de vida da própria autora e histórias de pessoas que tiveram a coragem de sair do lugar-comum, deixaram de lado a opinião alheia e persistiram nos seus sonhos.

4 – Criando o trabalho que você ama, de Rick Jarrow

Quantas pessoas já começam a semana rezando para que chegue o sábado? Ou ingressam em uma profissão em busca de dinheiro ou status? Milhares!

Em Criando o trabalho que você ama, o autor estadunidense Rick Jarrow questiona a forma como a nossa sociedade coloca a carreira acima da felicidade pessoal dos indivíduos.

Através da autorreflexão e de ensinamentos como “qualquer ser humano pode e, de fato, deve levantar o seu rosto da acachapante rotina para a sobrevivência e aspirar a algo mais elevado”, o livro traz um passo a passo para quem deseja criar um trabalho que seja lucrativo e prazeroso ao mesmo tempo, unindo os seus valores pessoais com as necessidades e exigências do mundo exterior.

E você, já leu algum desses livros de empreendedorismo? Conhece outros títulos indispensáveis? Compartilhe com a gente nos comentários!

É Possível Ficar Rico Empreendendo com a Amazon?

Responsável por mudar todo o ecossistema de vendas on-line no mundo, a Amazon não cansa de ganhar dinheiro. Por meio do seu famoso e-commerce, dos seus servidores de internet – que hospedam, entre outras coisas, a Netflix e seu catálogo de séries e filmes – e até com as vendas de aparelhos como o Kindle, o fato é que essa marca de Jeff Bezos sabe como faturar por aí. Só que ela não fatura sozinha: muitas pessoas já estão conseguindo empreender e até ficar ricas através de seus sistemas.

Sim, é isso mesmo que você leu: ficar rico! Quer saber como isso é possível? Então confira!

O bom e velho programa de afiliados

Lá fora, a Amazon vende de tudo: carrinhos de bebê, máquinas fotográficas, DVDs com as temporadas de Game of Thrones e também comida. E, em alguns casos, ela faz a entrega até com drone na porta da sua casa. Uma maravilha.

Só que, no Brasil, a coisa é diferente: presente no país há pouco tempo (desde 2013), a Amazon BR só conta, por enquanto, com a venda de livros digitais e físicos, e de seus e-readers. Por isso, se você não for escritor ou redator, uma saída simples para ganhar dinheiro com a Amazon é fazendo parte do seu programa de afiliados, pelo qual você pode inserir alguns banners dela em seu site ou blog, ou até mesmo direcionar algumas vendas para a plataforma.

Com isso, tudo o que você precisa fazer é criar a conta na plataforma da Amazon, inserir os links em suas páginas e ver se as vendas estão indo bem.

Revenda de hospedagem

Outra maneira de ganhar dinheiro com a Amazon, hoje em dia, envolve o conhecimento técnico de informática mais avançado e tem a ver com o AWS, o serviço de armazenamento de dados da empresa.

Com velocidade realmente impressionante e boa capacidade de armazenagem, os servidores da Amazon são uma boa saída para as empresas que precisam ter seus sites sempre no ar e recebem volume relativamente alto de acessos. Por isso, se você entender de configuração de redes e de máquinas virtuais, revender esse serviço pode ser uma ótima fonte de renda.

E-books

Não tem um blog e não manja de informática, mas sabe escrever muito bem? Ora, então seu caminho para fazer uma grana com a Amazon é através do Kindle Direct Publishing, o serviço de publicação de livros da empresa.

Por meio dele, é possível subir facilmente seu e-book para as estantes virtuais da Amazon, colocar um preço no produto e contar com as vendas. Tudo isso de uma maneira bastante simples e intuitiva. Mas é bom prestar atenção a alguns detalhes antes de tentar ganhar a vida como escritor parceiro da Amazon. Veja só alguns deles:

Como criar seu e-book

Primeiro, é bom ler o guia que a Amazon fornece com os detalhes de como criar o seu primeiro livro através do KDP (Kindle Direct Publishing). E o motivo é simples: assim, você não corre o risco de inserir imagens mal formatadas ou tabelas que poderão trazer algum problema no produto final.

Porcentagem da venda

Quando você publica um livro com exclusividade na Amazon, sua porcentagem de venda é de 70% do preço do produto. Agora, quando não concorda com esse termo e resolve vender também em outras plataformas, o retorno é de 35% sobre cada venda.

Quem já está faturando com a Amazon

No Brasil, alguns sites e blogs, como o Extremos, especializado em turismo de aventura, têm disponibilizado vários livros em formato digital na Amazon. Mas, claro, esse é apenas um dos exemplos que podemos encontrar na internet brasileira.

Como você pôde ver aqui, existem várias maneiras de empreender e até mesmo ficar rico através das plataformas da Amazon. No entanto, para isso é preciso ler bastante, pesquisar e entender como funciona de verdade as ferramentas dessa gigante da web.

Gostou das nossas dicas? Então confira também aquelas que demos em outro post com 5 passos para se tornar um empreendedor pessoal.

5 Passos para se Tornar um Empreendedor Pessoal

Esqueça aquela ideia ultrapassada de que empreendedorismo está ligado somente à ideia de abrir o seu próprio negócio. Mais do que apostar no mercado, empreender está diretamente relacionado ao seu desenvolvimento pessoal e à maneira de encarar a si mesmo como a sua maior chave para o sucesso.

Quando bater aquela dúvida do rumo que você está dando à sua vida ou à sua carreira é a hora mais correta para colocar em prática o seu lado de empreendedor pessoal.

Continue lendo

7 Mudanças Mentais que Me Fizeram Milionário aos 22 Anos

Por Tucker Hughes

Tenho 22 anos. Nos últimos 12 meses, tenho gerado um milhão de dólares em comissões em uma das indústrias mais competitivas do planeta, onde meu concorrente médio tem, pelo menos, o dobro da minha idade e 10 vezes mais posses do que o meu negócio. Eu tenho um mestrado em uma universidade de prestígio, que recebi quando eu tinha 20 anos, após pular quatro anos de escola. Já viajei para mais de 50 países, completei 13 triatlos e tenho uma vida extremamente feliz e estimulante.

As coisas vão muito bem – mas o futuro nem sempre foi tão brilhante.

Quando eu terminei a pós-graduação, me mudei para Califórnia para lançar um novo escritório para o negócio imobiliário da minha família. Os primeiros meses foram brutais, e eu rapidamente cheguei à conclusão de que o sucesso que teria (se tivesse) seria astronomicamente mais difícil do que eu jamais poderia ter imaginado. Apesar de ser competitivo e obstinado por toda a minha vida, me encontrei querendo saber como realmente me sobressair no mundo real, quando tudo finalmente importava.

Continue lendo

Nômades Digitais: Você Sabe Quem São Eles?

Já pensou em trabalhar sentado em um café em Praga ou em um bangalô na Tailândia? O que pode parecer um sonho impossível à primeira vista têm se tornado o dia a dia de várias pessoas, que descobriram que é possível trabalhar sem estar preso à rotina muitas vezes entediante de um escritório. Eles aproveitam a internet e as novas tecnologias para trabalhar enquanto viajam pelo mundo. Não por acaso, são conhecidos como nômades digitais. Você sabe quem são eles? A gente te explica!

Liberdade com responsabilidade

A denominação nômade digital é relativamente recente, mas o desejo de sair pelo mundo à procura de liberdade vem lá dos anos 1960, com o movimento hippie. Se existe, como no passado, a busca por um novo propósito de vida que não se concentre apenas no trabalho, os nômades digitais do século XXI aprenderam que é possível ser livre e manter as responsabilidades profissionais. Na prática eles parecem ter conseguido o desejado equilíbrio entre as vidas profissional e pessoal.

O trabalho dos nômades digitais

Muitos dos adeptos desse estilo de vida trabalham como freelancers em uma ou mais atividades. Em alguns casos, aquilo que era apenas a possibilidade de um dinheiro extra no final do mês se transforma na fonte de renda, garantindo o sustento e as viagens mundo afora.

Entre os trabalhos realizados pelos nômades digitais estão o de redação para blogs, revisão de textos, tradução, consultoria, fotografia, ilustração, design para web, edição de vídeos, videomaker e projetos mobile, desktop e CSS. Aqui, a responsabilidade é a mesma do trabalho tradicional e exige qualidade no serviço, mais o cumprimento de prazos. Por isso, é fundamental administrar o tempo em meio à rotina flexível de nômade digital.

Continue lendo