Tudo que Você Precisa para Fazer um Ano Sabático Transformador

Você já olhou para sua vida profissional e pessoal e percebeu estar insatisfeito? Porém, por estar tão envolvido com a situação, não conseguiu encontrar uma maneira de mudá-la? Nos dias de hoje, com a rotina corrida e as inúmeras cobranças da sociedade em todos os aspectos, esses sentimentos acabam sendo comuns. Se você já se sentiu assim em algum momento da vida e deseja um tempo para analisar se está realmente feliz, talvez seja a hora de tirar um ano sabático.

Por mais que as amarras da sociedade possam sugerir que tirar um ano sabático é coisa de quem é nascido em berço de ouro, para desfrutar de 365 dias fora da rotina intensa, é possível se programar e aproveitar cada segundo para trabalhar em uma transformação interior. Neste texto você poderá saber mais sobre o que é esse período e o que fazer durante ele. Confira!

O que é o ano sabático?

O período sabático tem suas origens no judaísmo, religião em seus praticantes trabalhavam por 7 anos e depois ficavam um ano inteiro sem trabalhar. Esse período era necessário também para que a terra pudesse descansar de uma produção de 6 anos seguidos. Atualmente, esse tempo fora do trabalho e dos afazeres do dia a dia é mais procurado por quem deseja se reconectar consigo mesmo e avaliar se é preciso fazer alguma mudança na vida para ser mais feliz.

Ao contrário do que possa parecer, um ano sabático não é um período de descanso total, e sim um ano tirado para fazer coisas fora da rotina. Você pode experimentar um trabalho social, viajar o mundo em busca de locais pouco conhecidos ou simplesmente participar de retiros, sejam eles espirituais ou apenas para renovar o cansaço físico e mental.

Como programar um período sabático?

O primeiro passo é fazer um exercício de pensamento: é preciso compreender que o ano sabático não é um tempo de férias. Esse período deve ser encarado como um momento de reflexão e trabalho do corpo e da mente. Por isso, saiba que haverá dias em você, que estava programado para o trabalho diário, sentirá falta da rotina, e então podem aparecer sensações de monotonia e até culpa: são justamente esses sentimentos que devem ser trabalhados.

Por se tratar de um período de ausência do trabalho, é preciso ter organização financeira para programar seu sabático. Escolha o que irá fazer e planeje com antecedência seus gastos e qualquer outro tópico que precise ser pensado antes.

O que fazer durante um ano sabático?

As opções para passar 365 dias longe do caos da rotina variam conforme a personalidade e as vontades de quem irá passar por esse período. Para quem busca por espiritualidade, por exemplo, países como Índia e Peru são destinos interessantes. Na Índia, é possível aprender mais sobre os preceitos da meditação, praticá-la constantemente e renovar suas crenças (ou quem sabe mudá-las). Já o Peru é conhecido por sua energia diferente, emitida na cidade perdida, que tem milhares de anos de construção. O lugar é excelente para renovar as energias, refletir e meditar, e também permite ótimos passeios e um mochilão pelas cidades ao redor, como Cusco e Lima.

Mas, se a meta é fazer o bem ao próximo, destinos como a África do Sul podem ser recompensadores. Lá, é possível trabalhar em projetos sociais em diferentes vertentes, que vão desde dar aula para crianças até trabalhar na conservação dos animais selvagens. O trabalho social também pode ser feito aqui no Brasil, em cidades ou comunidades carentes.

Tirar um ano sabático é uma iniciativa excelente para renovar os pensamentos e coloca-los em ordem. É importante lembrar sempre que esse período não é algo supérfluo ou apenas uma fuga do trabalho, e sim é uma oportunidade para a realização de que estamos no mundo para evoluir e trabalhar para conquistar a felicidade.

Já que você está interessado pelo ano sabático, leia este texto e entenda porque ser feliz é a chave para ter sucesso profissional!

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *